31.7.11

Tarefa da semana: descobrir como construir uma máquina de teletransporte. Idéias?

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 16:56 0 comments


28.7.11

"Acorde, garota, você é linda, inteligente, tem um ótimo perfume e seus olhos brilham. Por que chora? Perdeu em alguma esquina seu encanto?! Ninguém pode tirar de você seu mais belo sorriso, motivo de idas e vindas saltitantes.

Coloque sua música favorita para tocar, respire fundo e faça o que de melhor sabe fazer: ser você."

Caio F. Abreu

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 09:32 0 comments


26.7.11

Julho está quase no fim e eu só queria que o nome que aparecesse assim que eu rasgasse a página do dia 31 fosse "Setembro". Queria que minha correspondência já tivesse aquele código postal estranho e meu sobrenome já não fosse assim tão comum. Queria ter que andar mais a pé, pisar menos no freio e esquecer todos os dias em que eu precisei dormir sozinha do meu lado da cama e acordar vendo o seu lado ainda tão arrumado, como se esperasse por você. Queria poder olhar no espelho no banheiro e ver duas escovas de dentes refletidas e o rosto da mulher mais feliz do mundo. Mas eu sei que o verbo querer no futuro do pretérito é verbo e tempo que você ainda não estudou. E julho já vai mesmo acabar...

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 22:23 0 comments


25.7.11

Eu sonho com domingos ensolarados e pic-nics no parque. Com uma grama verdinha e uma toalha xadrez branca e vermelha pra que a gente possa deitar sem nos incomodar. Eu sonho com as crianças brincado de esconder-se atrás das árvores e sorrisos ao vento. Pipas colorindo o céu azul e a calmaria dos meus dias mais esperados. Eu sonho com passagens só de ida e abraços que não tem fim. Com carinhos eternos e olhos que não precisam dormir se não for junto, se não for por mais carinho. Eu sonho com semanas inteiras que sejam como domingos de sol. E domingos de sol que se estendam por semanas inteiras. Sonho com o dia em que eu e você não tenhamos que dizer bom dia sem um beijo ou ir trabalhar sem um “eu te amo”. Eu sonho. Mas o melhor de sonhar é saber que o amanhã não é tão distante da realidade que eu faço e reinvento todos os dias. Que o real é meu e o sonho é nosso.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 14:53 4 comments


23.7.11

E quando eu penso que ninguém me ama, ninguém me quer e ninguém gosta de mim... Quando me sinto só, com o peso do mundo nas costas e cega por não conseguir ver um metro de futuro à minha frente... Quando eu passo a acreditar que esperança, cor, sonhos, planos e qualquer coisa do tipo nada mais são do que uma moda brega que já teve seu momento entre os 80´s e os 90´s... Você chega pra me mostrar que eu sempre fui essa menina brega que acredita em príncipes encantados e cavalos brancos. Só que você esqueceu de me ensinar a viver sem você depois de voltar a acreditar em tudo isso...

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 09:32 0 comments


21.7.11

Hoje eu te entrego a chave e a direção. E por mais que a sua rua seja ao contrário e vocês andem pelo lado errado da via, acho que finalmente foi por isso que eu me encontrei em você. Porque você soube me amar do jeito errado que na verdade sempre foi o certo. Porque te amar sempre foi tão fácil, tão simples, que eu finalmente consegui compreender meus dias antes daquele olhar que me tomou o fôlego, as lembranças ruins e todos os momentos de carência de um sentimento que até então eu nem conhecia e já por ele sofria. Hoje eu te entrego a direção de uma vida que eu sei que nunca foi só minha, porque você é o dono do amor que eu sinto e que eu guardei durante tantos anos só pra ter o melhor dos empregos do mundo: o de te fazer feliz.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 10:06 0 comments


20.7.11

"Estou apaixonada por uma rainha. Confesso que ela é uma rainha meio diferente, meio despojada, meio moleque que corre nas ruas do interior descalço.Fi co impressionada com o dom que lhe foi dado, de tocar tão profundamente meu coração com palavras escondidas. E o que mais me admira, é o anonimato. Não há barreiras entre ela e as linhas de uma folha seca, não há distância.

A rainha tem que entender que pode ajudar tantas outras pessoas com suas humildes palavras, deixar o dia mais feliz, colorido, leve. A rainha não entende que poderia ficar conhecida pelos quatro cantos, e não por que tirou a roupa e foi presa, nem por que roubou uma manga no pé-de-manga do vizinho. Seria reconhecida pelo seu talento, pelo seu dom. Por levar sentimentos, sensações desconhecidas há um desconhecido. Toca-lo!

Escrever é para todos sim, mas nem todos conseguem transcrever a alma como a minha rainha. Eu insisto em lhe dizer: - Te tenho aqui, rainha. E não quero que desista."

Depois de receber um e-mail como esse, só me resta desejar um feliz dia do amigo a todos os meus súditos queridos. Sem cada um de vocês, o meu Reino não poderia existir.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 13:28 2 comments


19.7.11

Ao teu lado, eu brinco de carpe diem todos os dias.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 09:52 0 comments


17.7.11

Da série: O dicionário ensina e a vida traz o caso prático.

Ansiedade (an-si-e-da-de)
s.f. Angústia, aflição, grande inquietude.
Desejo veemente, impaciência, sofreguidão, avidez.

E no fim das contas mal posso esperar para ser ainda mais feliz.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 22:01 2 comments


Talvez seja minha salvação. A única. O que me devolve o fôlego e me acalma o coração. Talvez seja o que me faz conseguir pensar no que pode ser como algo que realmente pode ser. Que me traz, numa máquina de teletransporte, num estalar de dedos ou no apertar de um botão, tudo o que eu mais preciso pra ser feliz. Não, não é um sol, uma peça de roupa ou alguns papeis assinados dizendo o que eu já sei há tempos: que eu sou tua e vice-versa e o contrário e de todas as formas. É você. É de você que eu preciso hoje, amanhã, e depois. De manhã, à tarde e à noite. E realmente... Talvez seja realmente a minha salvação. Eu vou dormir e quem sabe sonhar. Porque só então não vai ser preciso botão, estalar de dedos, fôlego, máquina ou sei lá o que. Bastam você e as estrelas que sei vamos contar.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 12:13 2 comments


16.7.11

Lições do amor - Parte IV

Saudade dói.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 23:42 0 comments


15.7.11

"E o futuro é uma astronave que tentamos pilotar. Não tem tempo, nem piedade, nem tem hora de chegar: sem pedir licença, muda a nossa vida. E depois convida a rir ou chorar. Nessa estrada não nos cabe conhecer ou ver o que virá e fim dela ninguém sabe bem ao certo onde vai dar. Vamos todos numa linda passarela de uma aquarela que um dia, enfim, descolorirá..."

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 17:37 0 comments


14.7.11

Da série: O dicionário ensina e a vida traz o caso prático.

Liberdade (li-ber-da-de)
s. f.
Faculdade de fazer ou de não fazer qualquer coisa, de escolher.
Estado oposto ao do cativeiro ou prisão.

E a grande verdade que a minha liberdade não chega nem perto de qualquer significado de qualquer um dos dicionários que você encontra em uma livraria. Porque essa mesma liberdade só tem sentido algum quando ela está presa ao futuro que nós já começamos a desenhar a quatro mãos. E se qualquer ideia de ser livre possa estar relacionada a sua ausência, não quero mais ser livre: quero me prender aos teus dias e a uma vida que eu sei que posso chamar de nossa.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 00:00 4 comments


13.7.11

Eu sei que essa ansiedade amarga meus dias mais frios e faz meu sorriso sair com um pouco menos de graça. Sei que cada vez que eu fecho os olhos e desejo que dezembro fosse o mês que aparecesse no meu calendário depois que eu riscasse o último dia de julho, a minha paciência olha pra porta e fica decidindo se vale mesmo a pena ficar. Eu entendo que cada um desses segundos que nos separam só nos unem ainda mais e que quando toda essa distância for nada, nós vamos estar agradecidos por ter tido a oportunidade de entender que a nossa felicidade só depende de nós. Mas mesmo assim, eu queria poder abrir os olhos e ver todos os meus dias em todas as minhas manhãs... você, que eu sei que um dia também vai ser meu.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 00:00 0 comments


12.7.11

Eu já não sei mais o que fazer com tanto amor. É tanta vontade, saudade, tanto desejo que todas as minhas caixinhas e até a minha geladeira está cheia. Eu preciso de um tempo ao teu lado para conseguir equilibrar essa produção desenfreada de sentimentos. Preciso tanto daquele abraço e do beijo que eu quase posso sentir sempre que eu fecho ou abro os olhos com uma noite de sono entre eles. Porque todo esse amor tem destinatário certo... e se você não estiver aqui para dele provar, ele há de transbordar os olhos.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 10:55 0 comments


11.7.11

"Ser amado de graça (...) não tem preço. É a homenagem mais bacana que uma pessoa pode nos fazer. Você está ali, na vida (no trabalho, na balada, nas férias, no churrasco, na casa do amigo) e a pessoa simplesmente gosta de você. Ou você se aproxima com uma conversa fiada e ela recebe esse gesto de braços abertos. O que pode ser melhor do que isso? O que pode ser melhor do que ser gostado por aquilo que se é – sem truques, sem jogos de sedução, sem premeditações? Neste momento eu não consigo me lembrar de nada."

 Ivan Martins 


Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 16:06 1 comments


Eu queria que a palavra amor tivesse não menos de 365 sinônimos. Queria poder te dizer todos os dias de uma forma diferente o quanto eu não queria mais ter que esperar para finalmente podermos viver a nossa vida juntos. Porque todos os dias, de uma forma mágica por eu pensar que jamais seria possível, esse amor cresce e junto com ele, suas raízes, mostrando que é cada vez mais forte e maduro. E quando der frutos... Não vai existir mulher mais feliz no mundo. E então eu sei que vou desejar 365 sinônimos para a palavra felicidade.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 10:08 0 comments


8.7.11

O nosso amor não é pra hoje.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 09:51 0 comments


7.7.11

Lições do amor - Parte III

Eu aprendi com o amor que foi muito bom ser triste. Porque se tem uma coisa que eu sei que é depois que eu vi o preto, soube reconhecer o branco com muito mais nitidez. E foi então que eu desisti de dar continuidade à essa guerra contra a tristeza: eu simplesmente me permito viver esse sentimento para que possa, no fim das contas, jogar tudo fora ao invés de jogar toda a poeira para baixo do tapete. Então, me permito ser triste (apenas) cinco minutos, porque ser feliz me toma muito tempo. Afinal, depois de algumas tristezas, mas nem tantas assim, eu tenho a melhor alegria de todas: poder amar você.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 21:16 0 comments


“Acho que não precisava ser assim. É tudo tão forte, tão profundo, tão bonito, não precisava doer como dói. Eu não podia apenas sorrir quando me lembrasse de você? Mas acontece tipo assim: lembro do seu rosto, do seu abraço, do seu cheiro, do seu olhar, do seu beijo e começo a sorrir, é assim mesmo, automático, como se tivesse uma parte do meu cérebro que me fizesse por um instante a pessoa mais feliz do mundo, mas que só você, de algum modo, fosse capaz de ativar. Eu sei, é lindo. Mas logo em seguida, quando penso em quão longe você está sinto-me despedaçar por inteiro. Sabe a sensação de arrancar um doce de uma criança? Pois é, sou essa criança. E dói. Uma dor cujo único remédio é a sua presença. Então sigo assim, penso em você, sorrio, sofro e rezo, peço pra Deus cuidar da gente, amenizar essa dor e trazer logo a minha cura.”

Caio F.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 09:23 2 comments


6.7.11

E quando meus olhos encontram os teus e a agonia do meu peito se enche da calmaria do teu sorriso, o mundo nem gira, nem fica e nem importa o mundo. Porque quando meu peito sente bem de perto uma batida que não pára, ao contrário, acelera, eu só sei falar de cor, de vontade e de como é bom. Bom te ver e saber que o ritmo frenético que bate aqui dentro não bate só. Que o meu exagero não te surpreende e nem te assusta. Que você é meu superlativo e eu não quero nada menos e nem desejo nada mais. Que meu “tum, tum” soa alto, mas não tanto quanto o teu “eu te amo mais” ao meu pé do ouvido. Porque o que eu quero e sempre quis ouvir você me diz e me faz sentir. O que mais poderia querer? Você é meu plural. E eu não sei mais ser singular.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 18:28 0 comments


5.7.11

"Imagine acordando juntos, tomando café, empacotando algumas coisas, indo para o parque, depois talvez teremos alguns amigos para jantar no inicio da noite. Então as crianças podem brincar juntas enquanto nós bebemos um pouco de vinho!"

Sim, eu sonho de olhos abertos porque eu não sonho sozinha.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 09:41 0 comments


4.7.11

E você me mostra que a felicidade não está em momentos. Eu posso, sim, ser feliz todos os dias e espalhar meus sorrisos por um raio infinito de quilômetros até que o som dos meus sonhos realizados consigam alcançar você. A gente monta num conjunto de páginas que escrevemos a seis mãos (e quem sabe um dia serão mais) uma história que começa sim com era uma vez, uma rainha encontra seu principe e todas as coisas finalmente se encontram onde, na verdade, elas sempre deveriam estar. Porque é impossível não ter certeza do meu happy end se eu já sou feliz assim.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 17:09 0 comments


3.7.11

A grande verdade é que eu amo você "apesar de".

Apesar da distância, apesar das curvas do longo caminho, apesar de não ser barato, apesar de acordar sozinha, apesar de sonhar todos os dias. Apesar de conjugar os verbos esperando ouvir não só o eco, apesar do frio, apesar da espera, apesar de todas as coisas que nos separam mais que nos unem.

Eu amo você apesar de toda e qualquer coisa que me diga para não amar. Porque depois que eu provei do teu doce, nada mais me satisfaz. Só a certeza de um dia juntos novamente.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 13:30 5 comments


2.7.11

Eu sinto a sua falta. Sinto a sua falta no primeiro abrir de olhos, no primeiro raio de sol e nos últimos também. Sinto falta de dividir com você todos os dias que eu sei que são parte de uma vida que não me pertence mais. Porque a verdade é que meus olhos, desde que encontraram os teus, não se encaixam mais em qualquer lugar que não seja aninhado nos teus braços ou perto dos sorrisos que eu tanto gosto de ver emoldurado no rosto teu. Eu sinto falta da sua voz ser a primeira e última coisa do meu dia. Sinto falta do seu cheiro, dos passos dados juntos, do tom de voz mais vagaroso para me fazer entender, dos sonhos bons nas noites ao teu lado. Eu sinto falta até mesmo dos momentos que ainda não vivemos juntos. Eu sinto falta de você.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 10:47 0 comments


A Rainha



menina de vinte poucos.
que viveu muito em pouco.
que sorriu pouco em muito.
que vive sorrindo muito.
mulher de vinte e poucos.
que sofre, ama e não cansa.
de buscar dias melhores,
dias mais felizes.
menina mulher que não cansa.
de sonhar. de viver. de sorrir.
de confiar. de ter fé.
mulher menina que muito em pouco
fez pouco de muito.
e agora é rainha mesmo
não sendo majestade.

menina moça mulher do naipe coração.



Correio Real mensageirodecopas@gmail.com

A Rainha no Twitter @ReinodoCoracao

A Rainha no Orkut:
 Perfil 

A Rainha no Twitter @ReinodoCoracao

A Rainha no Facebook
 Perfil da Rainha

O Reino no Facebook
 Curtir o Reino

Súditos
 . A Rua Dos Contos 
 . Elísios 
 . Florbela Espanca 
 . Bobo da Corte 
 . Escudeiro da Rainha de Copas 
 . Cavaleiro Real 

Era uma vez

.Maio 2006

.Junho 2006

.Julho 2006

.Agosto 2006

.Setembro 2006

.Outubro 2006

.Novembro 2006

.Dezembro 2006

.Janeiro 2007

.Fevereiro 2007

.Março 2007

.Abril 2007

.Maio 2007

.Junho 2007

.Julho 2007

.Agosto 2007

.Setembro 2007

.Outubro 2007

.Novembro 2007

.Dezembro 2007

.Janeiro 2008

.Fevereiro 2008

.Março 2008

.Abril 2008

.Fevereiro 2009

.Março 2009

.Abril 2009

.Maio 2009

.Junho 2009

.Julho 2009

.Setembro 2009

.Novembro 2009

.Dezembro 2009

.Janeiro 2010

.Fevereiro 2010

.Março 2010

.Abril 2010

.Maio 2010

.Junho 2010

.Julho 2010

.Agosto 2010

.Setembro 2010

.Outubro 2010

.Novembro 2010

.Dezembro 2010

.Janeiro 2011

.Fevereiro 2011

.Março 2011

.Abril 2011

.Maio 2011

.Junho 2011

.Julho 2011

.Agosto 2011

.Setembro 2011

.Outubro 2011

.Novembro 2011

.Dezembro 2011

.Janeiro 2012

.Fevereiro 2012

.Março 2012

.Abril 2012

.Junho 2012

.Julho 2012

.Agosto 2012

.Setembro 2012

.Outubro 2012

.Dezembro 2012

.Janeiro 2013


A Rainha Agradece
.Layout: Liannara
.Hospedagem:Blogger
.Comentários: Haloscan
.Imagem: Flickr