Impossível.

30.11.07

"(...)
- Não posso acreditar - diz Alice.
- Não pode? - a rainha repete com um ar triste.
- Tente de novo: respire fundo, feche seus olhos, e acredite.
Alice ri:
- Não adianta tentar. Só tolos acham que coisas impossíveis podem acontecer.
- Acho que o que lhe está faltando é um pouco de prática - responde a rainha. - Quando eu tinha sua idade treinava pelo menos meia-hora por dia, logo depois do café da manhã, fazia o possível para imaginar cinco ou seis coisas inacreditáveis que poderiam cruzar meu caminho, e hoje vejo que a maior parte das coisas que imaginei se tornaram realidade, inclusive me tornei rainha por causa disso.
(...)"

Eu [ainda] acredito no impossível, no improvável, no que pode remotamente acontecer, no que até você duvida. E é isso que me faz querer caminhar [ainda] todos os dias ao teu lado.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 20:30 0 comments


É assim.

28.11.07

Chegue bem perto de mim.
Me olhe, me toque, me diga qualquer coisa.
Ou não diga nada, mas chegue mais perto.
Não seja idiota,
não deixe isso se perder,
virar poeira, virar nada...
(Caio Fernando Abreu)

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 13:34 0 comments


Yeah, yeah, yeah...

24.11.07

E quando eu me pergunto que cor está o céu, eu já nem preciso olhar pela janela pra saber. Porque não importa se há nuvens ou se o sol quis curtir a preguiça mais um pouco. Não importa se chove ou se já parou de chover e há um lindo arco-íris lá fora. Não importa se o trânsito está irritante ou se as ruas parecem dia de domingo e todos os sinais conspiram em tom de verde ao meu favor. Eu não quero saber se o bom dia do rapaz do jornal matinal vem com um sorriso ou se seu rosto denunciará mais uma vez que as noticias ruins que ele nos dá também o deixam com um certo ar triste. O que importa é que independente de qualquer coisa, de qualquer som ou do silêncio, na hora de dar o tom, meu yeah, yeah, yeah tem uma bateria inconfundível e um solo de guitarra que sem dúvida será dos melhores fundos musicais pros meus sorrisos.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 16:29 0 comments


Dois.

22.11.07

Eu sinto cheiro de erva daninha. E agora sei quais eram aquelas sementes que eu vi você carregar outro dia e derramar junto das minhas rosas tempos atrás na calada da noite. Porque minhas flores começaram a murchar e eu não conseguia entender até sentir esse cheiro. Até ver que as flores que eu plantei com tanto carinho estão estranguladas por palavras e sentimentos que eu não cultivei. E talvez só haja um antídoto, um soro, uma cura: arrancar tudo. A não ser que realmente você esteja disposto a me ajudar a arrancar cuidadosamente o que não faz bem e ajude a ter cuidado redobrado. Porque cultivar um solo bom é difícil. E cultivar um solo maltratado é muito mais difícil. E eu não consigo sozinha. Por mais amor, cor, carinho, sorriso e dedicação que eu despeje, é preciso dois.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 23:37 0 comments


A semana inteira...

17.11.07

Eu sempre gostei do domingo. Pelo sol, pelo sorvete, pela praia, pela hora de conversar com Deus, pelo almoço de família, pela brincadeira de fingir que passa algo interessante na TV só pra nada fazer. E é aí que entra o fato de eu sempre ter esse carinho todo especial pela segunda. Por sempre gostar de parar de fazer nada pra começar sempre alguma coisa ou fingir que começa porque a gente sempre deixa as coisas pra começar na segunda. E vem a terça. E acredite: adoro terça. Já não é mais segunda e toda aquela preguiça do fim de semana que acabou de ir embora, já não existe mais. Talvez seja hora de pensar no que fazer na quarta. Ahhh... A quarta! Como é boa, a quarta. O fim de semana ta chegando e a quarta é o dia de ainda fazer algo que seja de rotina ou não. Pra quando chegar a quinta... Como eu sou apaixonada pela quinta. A gente acredita que já é fim de semana e inveta milhões de coisas pra fazer só pra não ficar em casa acreditando que ainda é dia de feira e de tudo igual. Porque quando chega sexta não é preciso motivos ou desculpas. É sexta. Desde a música sertaneja à eletrônica frenética das baladinhas da cidade. Sexta é sempre O dia. E quando chega o sábado, chega a tarde livre, o nada e tudo pra fazer, o telefone tocando e todos os planos que já começaram a surgir desde a quarta, a boa e velha quarta. Pra acordar no domingo com vontade de sorvete e praia, com a TV com coisas nada interessantes pra se ver... Só pra viver e fingir que o tempo não passou. Fomos nós que passamos por ele.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 01:23 0 comments


Cordel.

14.11.07

O amor é filme. Eu sei pelo cheiro de menta e pipoca que dá quando a gente ama. Eu sei porque eu sei muito bem como a cor da manhã fica, da felicidade, da dúvida, dor de barriga. É drama, aventura, mentira, comédia romântica. Um belo dia a gente acorda e um filme passou por a gente e parece que já se anunciou o episódio dois. É quando a gente sente o amor se abuletar na gente. Tudo acabou bem; e agora o que vem depois?
É quando as emoções viram luz, e sombras e sons, movimentos e o mundo todo vira nós dois, dois corações bandidos... Enquanto uma canção de amor persegue o sentimento. O Zoom in dá ré e sobem os créditos. O amor é filme e Deus espectador!

"- A gente devia ser como o pessoal do filme, poder cortar as partes chatas da vida, poder evitar os acontecimentos! Num é?!?!"

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 14:53 0 comments


Nome.

12.11.07

E quando te perguntarem quem eu sou, diga que eu sou. Diga que é assim que é e que não há forma diferente de ser. Diga que tenho amigos, que tenho um sorriso e que eu assusto. Diga que sou um bom punhado de cores cheio de tons e níveis de contrastes. Mas ainda assim eu sou mesmo um bom punhado de cores. Porque não sei ser cinza. Comigo é branco no preto. Mas se vier acompanhado de verde e vermelho fica tudo bem. E se der, traz o azul, o amarelo e o arco-íris todo com você também. Quem sabe por aqui você acabe encontrando o tal sonhado pote de ouro. Porque não sei ser diferente e quem se me quiser de outra forma, vai ter que me procurar em outro canto, em outro corpo. Porque quando te perguntarem quem eu sou, diga meu nome. E tudo estará dito.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 04:11 0 comments


4.11.07

E eu queria mesmo entender o que é. O que é que faz meu coração pulsar assim tão descompassado e freneticamente quando escuto o tom da tua voz. Entender o porque de sempre que os meus olhos encontram os teus, minha boca se cala. Minhas mãos suam e eu nem sei de que cor está o céu. Se é possivel uma boa fotografia ou se a minha mente grava automaticamente a imagem que eu não quero perder de vista. Porque meu sorriso sai fácil e eu não consigo controlar comportamentos. E tudo só se acalma com o teu carinho na minha nuca e meu afago no teu colo. É nessa hora que eu vejo que nada mais importa, se há confusão ou tranquilidade. Porque a minha calmaria eu encontrei no tum tum acelerado no meu peito toda vez que eu vejo você.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 17:04 0 comments


A Rainha



menina de vinte poucos.
que viveu muito em pouco.
que sorriu pouco em muito.
que vive sorrindo muito.
mulher de vinte e poucos.
que sofre, ama e não cansa.
de buscar dias melhores,
dias mais felizes.
menina mulher que não cansa.
de sonhar. de viver. de sorrir.
de confiar. de ter fé.
mulher menina que muito em pouco
fez pouco de muito.
e agora é rainha mesmo
não sendo majestade.

menina moça mulher do naipe coração.



Correio Real mensageirodecopas@gmail.com

A Rainha no Twitter @ReinodoCoracao

A Rainha no Orkut:
 Perfil 

A Rainha no Twitter @ReinodoCoracao

A Rainha no Facebook
 Perfil da Rainha

O Reino no Facebook
 Curtir o Reino

Súditos
 . A Rua Dos Contos 
 . Elísios 
 . Florbela Espanca 
 . Bobo da Corte 
 . Escudeiro da Rainha de Copas 
 . Cavaleiro Real 

Era uma vez

.Maio 2006

.Junho 2006

.Julho 2006

.Agosto 2006

.Setembro 2006

.Outubro 2006

.Novembro 2006

.Dezembro 2006

.Janeiro 2007

.Fevereiro 2007

.Março 2007

.Abril 2007

.Maio 2007

.Junho 2007

.Julho 2007

.Agosto 2007

.Setembro 2007

.Outubro 2007

.Novembro 2007

.Dezembro 2007

.Janeiro 2008

.Fevereiro 2008

.Março 2008

.Abril 2008

.Fevereiro 2009

.Março 2009

.Abril 2009

.Maio 2009

.Junho 2009

.Julho 2009

.Setembro 2009

.Novembro 2009

.Dezembro 2009

.Janeiro 2010

.Fevereiro 2010

.Março 2010

.Abril 2010

.Maio 2010

.Junho 2010

.Julho 2010

.Agosto 2010

.Setembro 2010

.Outubro 2010

.Novembro 2010

.Dezembro 2010

.Janeiro 2011

.Fevereiro 2011

.Março 2011

.Abril 2011

.Maio 2011

.Junho 2011

.Julho 2011

.Agosto 2011

.Setembro 2011

.Outubro 2011

.Novembro 2011

.Dezembro 2011

.Janeiro 2012

.Fevereiro 2012

.Março 2012

.Abril 2012

.Junho 2012

.Julho 2012

.Agosto 2012

.Setembro 2012

.Outubro 2012

.Dezembro 2012

.Janeiro 2013


A Rainha Agradece
.Layout: Liannara
.Hospedagem:Blogger
.Comentários: Haloscan
.Imagem: Flickr