30.4.11

A verdade é que a maioria das vezes prefiro sofrer em silencio e deixar que meu sorriso tente conseguir esconder todas as lágrimas que ainda teimam em ter vontade de cair. A verdade é que eu queria não estar aqui ou em qualquer lugar que não esteja você.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 18:25 1 comments


28.4.11

E me toma um medo desenfreado de te contar todas as coisas. Medo de falar pra você de todo esse turbilhão de sentimentos, dessa inquietude e essa vontade enlouquecida de passar todos os segundos do meu dia ao teu lado. Porque, no fim das contas, eu não quero te ver saindo pela mesma porta que você usou pra entrar na minhda vida. Ou talvez você já tenha saído e eu ainda sinta a sua presença me apegando a um não sei o que que eu pensei que ainda existia.

Tenho dormido pouco e sonhado muito.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 07:31 1 comments


27.4.11

"Para mudar, é preciso um grande amor ou uma grande dor."
Agostinho de Hipona.

O que se faz quando se tem os dois?
Muda demais? Ou volta-se ao que era antes?

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 08:28 0 comments


24.4.11

O problema com contos de fadas é que eles são realmente sonhos demais. São tão próximos da fantasia quanto os coelhos da páscoa, o saci de uma perna só, cavalos brancos e todas as coisas cheias de magia. O problema com contos de fadas é a perfeição que se propõe nas vontades de dias cinzas em busca de cor, sol, calor e... amor. O problema com contos de fadas é que nós queremos sempre que eles sejam mais reais, príncipes reais, amores reais. Queremos sempre sonhos reais.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 11:08 0 comments


23.4.11

Você já comprou meu ovo de páscoa? É que no fim das contas eu acho mesmo que só te falta essa desculpa esfarrapada pra vir correndo, tocar a campainha da minha casa e me encher desse tal amor que eu sei que você guarda há tempos só pra mim. Então, compra meu ovo de páscoa e não perde mais tempo. Não precisa esperar o domingo. Eu te aceito no sábado e até mesmo se você tivesse vindo na sexta-feira da paixão.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 09:56 0 comments


22.4.11

Não importam os dias que faltam pra eu ser feliz ao teu lado, eu desaprendi a contar. Como em um dia de insônia, não importa quantos carneirinhos vão ter que pular, o sono não quer vir, e você nunca vai chegar. Não parece tangível a idéia de poder sonhar de novo, colorir meu céu das cores mais alegres para dias mais ensolarados. Até quando dura esse encanto sobrenatural que eu sinto através de todos os sentidos pela pessoa que você é? Espero que me restem dedos nas mãos para contar quando tudo isso acabar e meu sorriso possa ser meu novamente.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 15:06 0 comments


21.4.11

Coelhinho da Páscoa, que trazes pra mim?
Um sonho, dois sonhos, três sonhos assim...

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 19:38 0 comments


20.4.11

Querido coelho da páscoa,

Sei que você não é exatamente do tipo que traz presentes ou qualquer desse tipo de coisa. Mas hoje eu só queria uma coisa: um vida um pouco mais doce. São dias amargos e não há outra forma de querer viver.

Atenciosamente.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 10:41 0 comments


"Cansada de tudo que começa.
Hoje queria alguma coisa que continuasse."
Tati Bernardi

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 10:41 0 comments


De acordo com a psicóloga Ayala Pines, ciúme é a reação complexa a uma ameaça perceptível a uma relação valiosa ou à sua qualidade. Segundo a psicóloga clínica Mariagrazia Marini o ciúme está relacionado com a falta de confiança (no outro ou em si próprio) ou obsessão.

Eu não sou psicóloga. Mas sei do ciúme que você me desperta. Pra mim, ciúme é ver você com muitas beibes e muitos meus amores e muitas marias e muitos bebês e muitas princesas e muitas bellas. Pra mim, ciúme é ver que você querer casar comigo e ser feliz comigo e mesmo assim ver muitas que dançam pra ti, querem casar contigo e querem te fazer feliz. E ainda quererem que você as chame de beibe, de meu amor, de maria, de bebê, de minha princesa e de bella. Ciúme é querer que só eu more no teu coração e não haja mais espaços para nenhuma outra palavra, outra pessoa. Que seu coração não queira estar em qualquer outro lugar que não seja onde eu estou, mesmo que longe. Talvez Pines e Marini estejam certas, na teoria. Eu sei da prática. Mas também sei que é a mim que você vai chamar de sua.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 10:40 0 comments


19.4.11

"Eu só quero que você saiba que estou pensando em você e que eu te adoro cada vez mais..."

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 20:01 0 comments


18.4.11

"Com a chave na mão
Quer abrir a porta,
Não existe porta;

E agora, José?"

Drummond.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 18:27 0 comments


17.4.11

Que equilibrio estranho é esse de que sempre, que eu faço as coisas do jeito certo, você só sabe percorrer o caminho errado? Desse jeito eu só caio, me apaixono. Mas sofro. Não adianta. Eu sonho, entro em transe e acordo. Não há equilíbrio algum.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 16:17 0 comments


16.4.11

Quero viver o mundo ao contrário. Ter toda a experiência e ficar vendo todas as pessoas que eu realmente sei que valem todo o sorriso do mundo serem felizes ao meu lado. Depois me esforçar para ter a minha própria felicidade ao lado teu, para ser inconseqüente em dias sempre ensolarados mesmo em dias de chuva. E no fim quero a mais doce e inocente das felicidades: quero ser apenas a menina que no jardim de infância caminha de mãos dadas com o menininho dos olhos azuis que me ofereceu um pedaço do seu lanche. Isso costumava ser o que um dia eu chamei de amor. Depois, quero nascer de novo.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 10:24 1 comments


Finalmente você me encontrou. Não que eu não suportasse mais a idéia de esperar por você. É que cor, dias ensolarados, um pouco muito de doce e muito amor sempre são bem vindos. Então, chegue, e desaprenda o caminho de volta. Aqui é o seu novo lar.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 09:33 0 comments


15.4.11

E quando pensei que sabia o que era amar, você chega, mistura as letras, as palavras, esconde os pontos de interrogação e me explica que não precisa saber. Apaga todas as outras páginas e me mostra novas cores. Pinta o meu céu de uma cor que eu não conhecia, toca uma música que eu nunca ouvi antes e diz as únicas palavras que eu precisava ouvir: pra sempre.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 18:40 0 comments


14.4.11

Quando eu penso que o mundo realmente acabou e que eu vou ser incapaz de juntar os minúsculos pedaços do que sobrou do meu coração, eis que chegam todas as cores, dias ensolarado e um iê-iê-iê que eu nem me lembrava mais de como cantarolar. O calor do sol na minha pele me lembra que é hora de dar fim a dias cinzentos e eu acordo para uma realidade que sempre foi minha e eu perdi tempo não vivendo. Quando eu pensava que o mundo tinha acabado, eu vejo que não preciso juntar os pedaços de nada: você me dá um amor novo. "O próximo amor é sempre mais bonito."

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 15:03 0 comments


Vamos começar tudo de novo. Eu sou perita em começar sempre de novo. Sou perita nisso de começar do zero, mesmo que a lousa [ou quadro-negro – como queira chamar] na qual vou começar a escrever de novo a historia da minha vida não seja assim tão negro, assim tão nova. Mesmo assim eu tento, escrevo, vivo. Como se estivesse tudo novo, se nunca tivesse caído, ou sofrido ou vivido, ou amado ou desejado. Eu vou. Mesmo que eu chegue tarde, mesmo que já seja tarde. Tarde? O ano mal começou e já é tarde? Que importa? Importa que eu vou. Começar e viver e amar. Me empresta o apagador? Eu preciso limpar uma lousa, um quadro-negro, limpar o terreno ou seja lá o que for... E começar de novo. Que venha um ano inteirinho. Estou de giz na mão. Com sede do novo. Mesmo que muitas vezes esse mesmo novo represente uma coisa que já se viveu, mas que às vezes, pra funcionar de uma vez por todas, precisa começar de novo.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 14:13 0 comments


Dias ensolarados e de céu azul me deixam especialmente feliz. Me ensinam que não há qualquer motivo que possa me fazer esquecer que meus passos são sempre dados no sentido para onde eu olho. Pois eu sei que, no fim das contas, tudo é mesmo uma questão de para onde se direciona o olhar. Eu procuro ver meus dias coloridos, cheios de cheiros doces e futuros. Porque o passado é mesmo esse sangue que não corre, não cheira, não faz correr nas veias a adrenalina de qualquer momento que me gere a expectativa de qualquer coisa que me traga a surpresa que eu preciso pra fazer meu peito conseguir segurar o que transborda no meu sorriso. Eu decidi olhar pro espelho e ver a pessoa que mais merece que seja cor.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 10:56 0 comments


Em um dia como o que acabou de dar adeus, não há como não ficar pensando em como as coisas poderiam e como eu gostaria que elas fossem diferentes. Acordei mal lembrando do fatídico título de "dia do beijo". Mas o clima nublado, ligeiramente frio e convidativo prum café mais demorado, namoro mais demorado e até uma boa desculpa para faltar um expediente no trabalho me fez olhar com outros olhos pro dia que não me veio em boa hora. Eu não ganhei o café demorado, não namorei e ainda tive que acordar mais cedo pro trabalho que normalmente me vem um pouco mais tarde. Eu não ganhei um beijo. A verdade é que o dia 13 de abril passou como um dia cinza de um mês cinza que eu não faço qualquer questão que passe devagar. Eu quero saber de todos os outros dias em que seus beijos serão meus e eu não vou ter que nomear um dia para que isso aconteça, todos os dias.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 00:23 0 comments


12.4.11

Eu sou alguém que espera. Espero, com certa paciência, até, pra ter e ver tudo que sei que pra mim está guardado. O mundo, as horas de espera trancadas dentro daquele cubículo, a torre, o ônibus, a casa azul, o chocolate, porque eu realmente não gosto de chá, o relógio, o vinho, a praia, o sotaque, a palavra, as fotos, os lugares. Eu tento conter toda a minha ansiedade pra esperar o momento certo. O momento certo de hoje, o momento certo de amanhã. Pra ver mágica surgir em cada minuto e em cada instante. Pra ver estrelas brilhando no fundo daquele momento tão gratificante. Porque esperança é mesmo derivada do verbo esperar.

Agora coloquem todos os verbos no pretérito perfeito. E conjuguem amar na primeira pessoa do plural e toda e qualquer interrogação tornar-se-á exclamação e não haverá mais reticências.

Saudações!

ps.: editado de um tempo em que quase tudo era apenas inspiração e hoje é bem mais realidade do que jamais foi.

Decretado pela Rainha de Copas às 16:28 1 comments


11.4.11

Meu pés não conseguem tocar o chão e meus olhos se incomodam com qualquer luz que tente me alcançar a vista. Quero voltar a sonhar. Quero voltar àquela música em cuja letra eu nem fazia tanta questão de prestar atenção. Quero voltar ao doce daquela cobertura de chocolate que eu detesto, mas te fazia querer mais. Quero voltar ao cheiro de chuva de um dia cinzento que tinha mais cor que qualquer dos dias ensolarados que nasceram desde que você se foi. Quero voltar ao exato instante que você olhou para aquela porta e cogitou a idéia de ir embora. Preciso dizer que te amo de novo. Só assim realidades sonhadas ou sonhos reais vão passar a fazer sentido mais uma vez.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 08:32 0 comments


8.4.11

Não pergunte. Eu não sei dizer se gosto ou desgosto. Não sei explicar esse meu momento de simplesmente não saber das coisas. Afinal, sempre fui a mulher das decisões mais firmes que eu tive o prazer (ou desprazer, eu também não sei dizer) de ter conhecido um dia. Mas hoje, especialmente hoje, não consigo saber se uso o pingo do i de sim ou desenho bem o til do não. É quase impossível decidir entre o dia e a noite, o branco e o preto. Acho que vou voltar ao que era antes: tomar o mundo de uma só vez, em um gole só!

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 11:52 1 comments


7.4.11

Significado de decepção:
s. f.
1. Ilusão perdida;
2. Desapontamento;
3. Malogro de uma esperança;
4. Desilusão.

O dicionário ensina e a vida traz o caso prático.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 07:35 0 comments


6.4.11

E quando eu faço meus planos, não quero que meus pés caminhem sozinhos. Quero tua mão segurando a minha e na outra um mapa cujo destino é qualquer dessas paisagens que ficam mais bonitas sempre que se vê um casal abraçado sem precisar dizer uma palavra pra traduzir o real significado da felicidade. Porque quando traço um roteiro que passa dias na cidade mais romântica do mundo, saber que você vai estar a centenas de milhares de quilômetros de mim, quase não vale tanto a pena ir até lá.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 16:10 1 comments


5.4.11

Querido Papai Noel,

Eu sei que ainda não chegamos nem no meio do ano e que você ainda descansa da noite de natal. Eu sei que ainda não deu pra saber se eu fui uma boa menina esse ano já que apenas um terço dele já se passou e você ainda não decidiu se eu mereço ou não receber a sua visita no dezembro que vem. E se puder vir um pouco antes, fico grata. É que grande parte do que eu ganhei ano passado já se esgotou. Esqueci daquela parte das instruções que dizia: "doses homeopáticas." E a verdade é que eu já sei exatamente o que eu quero que venha dentro daquela caixa com aquele laço vermelho. Paciência, meu bom velhinho... Paciência.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 09:38 0 comments


4.4.11

O que eu mais queria era que meus sonhos tivessem sua torcida, seu apoio e seu sorriso quando se tornassem reais. Queria que você quando me visse como naquele dia, feliz, correndo atrás dos dias que eu sonhei pra mim, você soubesse me olhar de longe e respirar aliviado por ver que eu consigo realmente seguir o caminhos dos trilhos amarelos com meus sapatos vermelhos. O meu mágico de Oz me ensinou que meus desejos são reais todas as vezes que consigo olhar pra mim mesma e ver a pessoa forte que verdadeiramente eu sou.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 19:14 0 comments


3.4.11

"Essa noite eu sonhei com você e queria bem mais que sonhar..."

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 19:20 0 comments


1.4.11

Na casa que eu preciso construir para abrigar meu sonhos, sorrisos, esperanças e cores, eu preciso de pilares nos quais eu confie que serão capazes de dar a segurança que eu preciso para os meus dias de cinza. E quando eu disse que você não podia ser um deles, eu realmente quis dizê-lo. Mas a verdade é: até quando vou ficar esperando que você se torne o pilar certo? quando vou resolver procurar a base pra minha casa em outros lugares e outras pessoas? É pra ontem, é urgente. Não consigo mais esperar, tenho pressa, saudade, vontade. E, talvez, nessa busca eu não encontre você em qualquer outra pessoa, mas encontre motivos suficientes pra esquecer que você era realmente um dos únicos motivos que eu tinha pra sentir essa louca vontade de ter um lar.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 11:28 0 comments


A Rainha



menina de vinte poucos.
que viveu muito em pouco.
que sorriu pouco em muito.
que vive sorrindo muito.
mulher de vinte e poucos.
que sofre, ama e não cansa.
de buscar dias melhores,
dias mais felizes.
menina mulher que não cansa.
de sonhar. de viver. de sorrir.
de confiar. de ter fé.
mulher menina que muito em pouco
fez pouco de muito.
e agora é rainha mesmo
não sendo majestade.

menina moça mulher do naipe coração.



Correio Real mensageirodecopas@gmail.com

A Rainha no Twitter @ReinodoCoracao

A Rainha no Orkut:
 Perfil 

A Rainha no Twitter @ReinodoCoracao

A Rainha no Facebook
 Perfil da Rainha

O Reino no Facebook
 Curtir o Reino

Súditos
 . A Rua Dos Contos 
 . Elísios 
 . Florbela Espanca 
 . Bobo da Corte 
 . Escudeiro da Rainha de Copas 
 . Cavaleiro Real 

Era uma vez

.Maio 2006

.Junho 2006

.Julho 2006

.Agosto 2006

.Setembro 2006

.Outubro 2006

.Novembro 2006

.Dezembro 2006

.Janeiro 2007

.Fevereiro 2007

.Março 2007

.Abril 2007

.Maio 2007

.Junho 2007

.Julho 2007

.Agosto 2007

.Setembro 2007

.Outubro 2007

.Novembro 2007

.Dezembro 2007

.Janeiro 2008

.Fevereiro 2008

.Março 2008

.Abril 2008

.Fevereiro 2009

.Março 2009

.Abril 2009

.Maio 2009

.Junho 2009

.Julho 2009

.Setembro 2009

.Novembro 2009

.Dezembro 2009

.Janeiro 2010

.Fevereiro 2010

.Março 2010

.Abril 2010

.Maio 2010

.Junho 2010

.Julho 2010

.Agosto 2010

.Setembro 2010

.Outubro 2010

.Novembro 2010

.Dezembro 2010

.Janeiro 2011

.Fevereiro 2011

.Março 2011

.Abril 2011

.Maio 2011

.Junho 2011

.Julho 2011

.Agosto 2011

.Setembro 2011

.Outubro 2011

.Novembro 2011

.Dezembro 2011

.Janeiro 2012

.Fevereiro 2012

.Março 2012

.Abril 2012

.Junho 2012

.Julho 2012

.Agosto 2012

.Setembro 2012

.Outubro 2012

.Dezembro 2012

.Janeiro 2013


A Rainha Agradece
.Layout: Liannara
.Hospedagem:Blogger
.Comentários: Haloscan
.Imagem: Flickr