28.2.11

Faltando pouco mais que os dedos de uma mão pra eu contar com uma vela a mais pra dizer o quão crescida eu estou, eu só consigo agradecer poder ser a pessoa que eu consegui me tornar com a ajuda de tantos súditos, amigos, pessoas de mesmo sangue ou não, que me fizeram conseguir chegar onde eu cheguei, seja com uma torcida distante, um sorriso de icentivo, um empurrão, ou até um pé na b****. Cada pedra foi importante. Mas as minhas asas e meu sorriso, esses sim me tornam a pessoa que eu sou. Obrigada.

Saudações!

Ps.: Sim, é semana de agradecimentos e comemorações!

Decretado pela Rainha de Copas às 13:47 1 comments


27.2.11

E eu que pensava que meu mundo era cor-de-rosa, encontro o cinza dos dias que nascem nos segundos de espera. Mas quem sabe eu comece um dia a gostar desse tom alaranjado do crepúsculo dos fins de tarde que me chamam para um sorriso tranquilo.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 10:09 0 comments


25.2.11

"É verdade que tudo tem seu devido fim. Na realidade vi num dia desses que todo fim tem seu começo e todo começo tem seu fim. Não há bem que sempre dure, ou mal que nunca acabe."

A paradoxal missão de fazer o inicio do fim não ser de todo ruim é árdua e nos toma o ar que teimamos em querer inspirar para continuarmos vivos. Mas não há outro caminho a se seguir. É preciso ter pulso forte, coração tranquilo e uma decisão firmada para conseguir chegar a qualquer lugar ou simplesmente não ir a lugar algum. Mas para ter pernas, poder caminhar para onde quer que se deva, é preciso fé. E eu näo quero perder a minha.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 20:30 2 comments


24.2.11

Minha doce espera é amarga. Eu conto os dias, horas, minutos e tenho sede. Me faltam os segundos de paz e meus braços sentem frio. Como em uma ciranda de roda que eu ouvi há muito tempo mas não lembro a letra e mal consigo cantarolar o ritmo, meus lábios sentem falta dos teus e meu ouvido da tua voz. Preciso das doses homeopáticas das tuas palavras pra sorrir de novo e quem sabe conseguir gostar até do amargo dos meus dias de esperança por coisas que eu sei que virão.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 08:35 0 comments


23.2.11

E ontem foi o pior dia do ano. Se é isso que chamam de inferno astral, escolheram bem o nome.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 07:34 0 comments


21.2.11

Em momentos como este, eu me sinto como se estivesse afogando em uma piscina. Não sei nadar e a todo instante que tento bater os braços e pernas para conseguir salvar-me, fico sem forças e não saio do lugar. Então percebo que a única solução que me resta é parar, me deixar levar e chegar ao fundo. Só então conseguirei dar o impulso necessário e chegar de volta à superficie, sentir o calor do sol no meu rosto e respirar um ar puro que me faz falta sempre que eu não sinto tua presença no teu nome piscando no meu telefone ou na tela do meu monitor.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 23:16 1 comments


20.2.11

Não me importa o que dizem as previsões astrológicas, as cartas, aquelas pedras cujo nome eu quase sempre esqueço. Os ponteiros do meu relógio correm rápido e eu não sei dar passos que não sejam largos. Olhando sempre pro que virá, com atenção aos mínimos detalhes do inesperado, "eu só quero saber do que pode dar certo, não tenho tempo a perder."

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 16:13 0 comments


19.2.11

Queria ser a primeira de todas as coisas da tua vida. Queria ser a primeira mulher a te beijar, te mostrar o que é ser amado e a te fazer perceber todas as cores do mundo. Queria ser a primeira a te fazer perceber o que é estar vivo e entender que para tanto não bastar respirar todos os dias. No fim das contas, eu queria que no mundo tudo pra você fosse eu, que os momentos especiais dessa vida que te faz ser a pessoa que você é, você só quisesse estar cada vez mais perto de mim. Queria que tuas madrugadas fossem minhas, e tuas manhãs, tardes e noites. Queria poder saber de novo o que é amar diante de uma lua como a que vi no céu ontem, sendo a primeira. Porque ser segunda, terceira, décima não me faz tão especial. Mas, nisso tudo, a grande verdade mesmo é que eu queria ser a última.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 18:41 1 comments


18.2.11

Em dias como esse, eu apenas queria um pouco do doce dos momentos que me fazem feliz ao lado teu. Em dias como os que acordo com a disposição de mover montanhas e energia pra fazer qualquer cinza virar cor, eu queria minha mão amarrada à tua e a certeza de que posso todas as coisas. A verdade é que meus dias sentem falta da presença tua e meus pés querem o caminho que você trilha para que eu possa seguir sempre na buscados dias ensolarados que eu vivo quando meu sorriso sai fácil, os pés não sentem frio e eu sou tua. Em dias como esse, eu apenas queria que fosse doce todos os dias.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 11:30 1 comments


Estou doente de amor. Meu corpo dói, minha cabeça dói, tudo dói. Como quem tenta lutar contra uma doença incurável, não há remédio no mundo que melhore o que sinto: estou doente de amor.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 00:50 1 comments


16.2.11

Eu às vezes me perco pensando em você. Começo quando abro os olhos de manhã e me lembro dos últimos minutos entusiasmados de saudade do sonho que acabara de ter. Meus pés mal podem tocar o chão e eu quase esqueço da realidade que vivo nos meus dias desacompanhados. Penso na saudade que eu sinto e nem sei se poderia sentir. Penso nos sonhos, nas cores, na chuva, no ciúme, na vontade, na quimica, na fisica e na historia. E é quando eu entendo que não não me perco pensando em você: quando eu penso em você, esses são os momentos do meu dia em que eu verdadeiramente me encontro.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 14:13 0 comments


15.2.11

É incrivel que você não faz o mínimo esforço, não dá um único passo, não se move e, mesmo assim, meus olhos são teus. Como um vicio frenético, eu procuro teu nome no meio de tantos e quando não encontro respiro fundo. É preciso calma para viver muito. É preciso espera para ver chegar o que de longe virá. Mas a verdade é que minhas virtudes são poucas e, dentre os inúmeros defeitos que eu finjo não ter pra não perder o pouco quase nada que eu nem sei se tenho, eu me faço de boa moça de sorriso paisagem pruma ansiedade que me faz não ter fome, engolir seco e sentir asas de borboletas. É estranho, como se não conhecesse nada, nem cor, nem luz, nem nada. Simplesmente sou uma adolescente de 13 anos sentada numa cadeira no fundo da sala esperando um bilhete que quem sabe me chame prum lanche na hora do intervalo. Os segundos não passam e você não vem. Não há esforço, passo ou movimento. O instante interminavel da espera dos dias mais longos que eu já vivi na vida.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 01:34 0 comments


14.2.11

É dia de São Valentim. Aquele que mesmo quando era proibido, acreditava no amor e o celebrava. No fim das contas, apaixonou-se e provou do doce que é poder ser amado de verdade. É para ele que preciso escrever para pedir que seus olhos vejam, suas mãos me alcancem e você entenda que não há nada que eu queira mais? É com ele que preciso conversar para saber o que fazer para que você venha correndo me fazer a mulher mais feliz do mundo? Se for, eu só tenho hoje. Ou terei que esperar mais um ano para ser tua, completa e feliz.

Então, São Valentim, cuida do meu coração, cuida para que meus dias ganhem as cores que eu escolhi e, finalmente, eu consiga escutar todas as palavras que acendem os dias mais escuros das semanas mais aguardadas de um ano que parece não ter começado ainda.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 11:30 1 comments


Eu mudo, tu mudas, ele muda. Nós mudamos. E assim, nessa ciranda da vida, meus olhos procuram em você as coisas mais simples dos dias mais bobos da semana que eu tanto esperei. Acreditei que, em você, poderia encontrar os ditados populares mais piegas que me levam ao estado agudo do que eu acredito ser, de fato, a cor que vai colorir meus dias nos fim de semana e quem sabe numa inesperada quarta-feira. Será? Quem sabe você mude, eu fico muda e tudo seja.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 10:18 1 comments


13.2.11

Acho que desaprendi todas as lições que eu pensei que sabia há tempos. Não sei mais conquistar você, me fazer interessante. Acho que nunca soube. Estou perdida, sem ter o que fazer com as mãos, as palavras, os olhares e meus passos. Minha felicidade não depende apenas de mim e isso me deixa muda. E eu não consigo esperar.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 16:11 1 comments


12.2.11

"Sempre há uma resposta, o problema é saber fazer a pergunta. A pergunta em questão é : O que faz a adorada Rainha de Copas tão infeliz?

Será um pirata-ladrão-de-coração ou apenas uma fase onde menina-moça se transforma em mulher-madura ? O porque ela está assim não é o que me preocupa, o que me preocupa é que parece que a menina do naipe de coração se esqueceu o que um dia ela mesma concordou:“moça de sorriso longo que briga por tudo que tem direito, cada gota de felicidade que lhe pertence não é perdida, confiante e radiante segue, uma luz como o brilho da água sobre a grama orvalhada, assim a rainha segue seu reinado de sorriso e alegria.” nós os humildes súditos apenas queremos que a majestosa Rainha de Copas seja Feliz, e que jamais se esqueça que " Porque mesmo que ela se torne moça, mulher e madura, essa inocência que reflete no espelho quando sorri nunca a abandonarão"


VIDA LONGA A RAINHA !!!"

Cristiana.

- Acreditem quando eu digo: eu tenho os melhores súditos do mundo. E comentários como esse me fazem a rainha mais especial, feliz, e querida de todas. Cris, muitissimo obrigada pelo comentário do post anterior.

Decretado pela Rainha de Copas às 13:13 0 comments


10.2.11

Quero ser feliz. Já posso?

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 17:17 2 comments


9.2.11

"É o Amor que mexe com minha cabeça e me deixa assim, que faz eu pensar em você e esquecer de mim, que faz eu esquecer que a vida é feita pra viver. É o Amor que veio como um tiro certo no meu coração, que derrubou a base forte da minha paixão e fez eu entender que a vida é nada sem você."

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 21:40 5 comments


Cansei de conjugar verbos, tentar escolher o sujeito certo pra ficar no início das orações que eu deixo completarem as páginas que estão em branco. Verbo transitivo direto que é, amar acaba não sendo tão direto assim e todos os advérbios que deveriam acompanhá-lo me deixam só. Invariavelmente só. Chega uma hora em que não se consegue viver mais de preposições, artigos ou qualquer desses acessórios quase tão supérfluos quanto inúteis. Eu preciso de sujeito e predicado, verbo, orações principais e futuro do presente. Eu preciso de uma gramática completamente nova. Preciso de você.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 01:08 1 comments


8.2.11

Quero colorir teus dias cinzentos, alegrar teu sorriso sem graça e te ensinar que é simples ser feliz. Só assim eu também vou poder sorrir só jeito mais simples que eu já sorri [muitos] dias atrás quando não sabia o que fazer com minhas mãos, minha vergonha e o meu desajeitado olhar ao descobrir que eu nunca soube o que era ter tudo: no dia que descobri que ainda não tinha você!

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 21:08 0 comments


7.2.11

Meu nome hoje é saudade.
E o sobrenome me explica: tenho saudade do que ainda sei que virá.
E você me chama pelo melhor apelido de todos: esperança.
Não há outro modo de ser.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 22:16 1 comments


Não respondo teus e-mails, e quando respondo sou ríspido, distante, mantenho-me alheio: FAZ DE CONTA QUE EU TE ODEIO.

Te encho de palavras carinhosas, não economizo elogios, me surpreendo de tanto afeto que consigo inventar, sou uma atriz, sou do ramo: FAZ DE CONTA QUE EU TE AMO.

Estou sempre olhando pro relógio, sempre enaltecendo os planos que eu tinha e que os outros boicotaram, sempre reclamando que os outros fazem tudo errado: FAZ DE CONTA QUE EU DOU CONTA DO RECADO.

Debocho de festas e de roupas glamurosas, não entendo como é que alguém consegue dormir tarde todas as noites, convidados permanentes para baladas na área vip do inferno: FAZ DE CONTA QUE EU NÃO QUERO.

Choro ao assistir o telejornal, lamento a dor dos outros e passo noites em claro tentando entender corrupções, descasos, tudo o que demonstra o quanto foi desperdiçado meu voto:FAZ DE CONTA QUE EU ME IMPORTO.

Digo que perdôo, ofereço cafezinho, lembro dos bons momentos, digo que os ruins ficaram no passado, que já não lembro de nada, pessoas maduras sabem que toda mágoa é peso morto: FAZ DE CONTA QUE EU NÃO SOFRO.

Cito Aristóteles e Platão, aplaudo ferros retorcidos em galerias de arte, leio poesia concreta, compro telas abstratas, fico fascinada com um arranjo techno para uma música clássica e assisto sem legenda o mais recente filme romeno: FAZ DE CONTA QUE EU ENTENDO.

Tenho todos os ingredientes para um sanduíche inesquecível, a porta da geladeira está lotada de imãs de tele-entrega, mantenho um bar razoavelmente abastecido, um pouco de sal e pimenta na despensa e o fogão tem oito anos mas parece zerinho: FAZ DE CONTA QUE EU COZINHO.

Bem-vindo à Disney, o mundo da fantasia, qual é o seu papel? Você pode ser um fantasma que atravessa paredes, ser anão ou ser gigante, um menino prodígio que decorou bem o texto, a criança ingênua que confiou na bruxa, uma sex symbol a espera do seu cowboy:FAZ DE CONTA QUE NÃO DÓI.

Martha Medeiros

Não há nada mais verdadeiro.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 16:37 1 comments


6.2.11

Não importa quantos fins de semana eu preciso ver passar e em quantas baladas sem graça eu preciso ir, nunca vai ser o suficiente pra eu me encontrar em algo que eu sei que não vai estar lá. Porque o que eu procuro está guardado em uma caixa que eu não tenho a chave. E o pior é saber que meus pés estão firmes no chão e minhas mãos atadas. O que é sempre pra ser o inicio de uma semana completamente nova nada mais é do que um domingo sem graça cheio de tons de cinza que enfeitam uma espera que não consegue ficar bonita. É angustiante, triste, decepcionante. Mas eu sei que qualquer dia desses, num domingo qualquer ou em dia de feira [quem sabe] eu te encontro. E tudo vira cor, sorriso e não haverá saudade de dias como o de hoje.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 14:33 0 comments


3.2.11

Não desiste. Porque se você gosta mesmo assim tanto de desafios, me encare como um e me mostra que vale a pena. Não desiste. Porque se você gosta mesmo assim tanto de mim, olha pra mim no olho de verdade pelo menos uma vez na vida com toda vontade e me lê a minha alma, como se eu não precisasse mais dizer uma só palavra. E talvez nunca precisei. Porque talvez você já leia mais minhas entrelinhas do que eu mesma antes mesmo que eu as escreva. Porque minhas linhas, páginas e histórias eu tenho o prazer de fazer acontecer, mas você me dá o prazer de fazer sonho ser ainda mais realidade. Ou seria realidade ser sonho? Eu não sei. Só sei que é. E será. E por isso que eu digo: não desiste, porque desistir é um verbo que foi criado pros fracos que eu sei que você não é.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 10:38 2 comments


2.2.11

A questão aqui não é estar ou não mais ou menos apaixonada por você. Hoje eu só me importo em ser feliz. E se gostar tanto assim de você não me leva pelo mesmo caminho que eu preciso percorrer para alcançar meus sorrisos mais sinceros, meu coração se faz de bobo e eu finjo que esqueço que te amo. É quase como querer sobreviver: preciso pensar com a única parte do meu corpo que não obedece lógica nenhuma.

A questão aqui não é se eu vou ou não continuar esperando pelo dia em que seus olhos me encontrem e, finalmente, você entenda que ninguém vai saber cuidar de você melhor que eu. Hoje eu quero dar meus passos, ir em frente, fazer a minha parte [que é a que realmente importa] na luta pelas cores da minha vida. Eu preciso e só me importo em ser feliz.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 10:37 1 comments


1.2.11

Talvez não há mesmo nada a ser dito. Talvez as palavras que sempre se perdem no tempo e no espaço que nos separam acabam dizendo o que eu pensei, você entendeu e pintou as paredes da nossa sala de um cinza que dói os olhos.

Não sei dizer mais nada a não ser o quão queria que as coisas fossem diferentes de como são. Mas minhas mãos estão atadas e minha boca muda. Não há mais nada que eu possa fazer. Porque às vezes o que eu estou fazendo não é desistir, é reconhecer o fim de algo que acabou há muito tempo.

Saudações!

Decretado pela Rainha de Copas às 16:00 1 comments


A Rainha



menina de vinte poucos.
que viveu muito em pouco.
que sorriu pouco em muito.
que vive sorrindo muito.
mulher de vinte e poucos.
que sofre, ama e não cansa.
de buscar dias melhores,
dias mais felizes.
menina mulher que não cansa.
de sonhar. de viver. de sorrir.
de confiar. de ter fé.
mulher menina que muito em pouco
fez pouco de muito.
e agora é rainha mesmo
não sendo majestade.

menina moça mulher do naipe coração.



Correio Real mensageirodecopas@gmail.com

A Rainha no Twitter @ReinodoCoracao

A Rainha no Orkut:
 Perfil 

A Rainha no Twitter @ReinodoCoracao

A Rainha no Facebook
 Perfil da Rainha

O Reino no Facebook
 Curtir o Reino

Súditos
 . A Rua Dos Contos 
 . Elísios 
 . Florbela Espanca 
 . Bobo da Corte 
 . Escudeiro da Rainha de Copas 
 . Cavaleiro Real 

Era uma vez

.Maio 2006

.Junho 2006

.Julho 2006

.Agosto 2006

.Setembro 2006

.Outubro 2006

.Novembro 2006

.Dezembro 2006

.Janeiro 2007

.Fevereiro 2007

.Março 2007

.Abril 2007

.Maio 2007

.Junho 2007

.Julho 2007

.Agosto 2007

.Setembro 2007

.Outubro 2007

.Novembro 2007

.Dezembro 2007

.Janeiro 2008

.Fevereiro 2008

.Março 2008

.Abril 2008

.Fevereiro 2009

.Março 2009

.Abril 2009

.Maio 2009

.Junho 2009

.Julho 2009

.Setembro 2009

.Novembro 2009

.Dezembro 2009

.Janeiro 2010

.Fevereiro 2010

.Março 2010

.Abril 2010

.Maio 2010

.Junho 2010

.Julho 2010

.Agosto 2010

.Setembro 2010

.Outubro 2010

.Novembro 2010

.Dezembro 2010

.Janeiro 2011

.Fevereiro 2011

.Março 2011

.Abril 2011

.Maio 2011

.Junho 2011

.Julho 2011

.Agosto 2011

.Setembro 2011

.Outubro 2011

.Novembro 2011

.Dezembro 2011

.Janeiro 2012

.Fevereiro 2012

.Março 2012

.Abril 2012

.Junho 2012

.Julho 2012

.Agosto 2012

.Setembro 2012

.Outubro 2012

.Dezembro 2012

.Janeiro 2013


A Rainha Agradece
.Layout: Liannara
.Hospedagem:Blogger
.Comentários: Haloscan
.Imagem: Flickr